O Home Office com eficiência na Arquitetura já é uma realidade

O Home Office com eficiência na Arquitetura já é uma realidade

Seu escritório de arquitetura pode funcionar em home office com eficiência, praticidade e de maneira descomplicada.Muitas são as empresas que já se adaptaram ao conceito de trabalho remoto, que cada dia fica mais forte e evidente, pois é prático, eficiente e é possível encontrar colaboradores experientes em qualquer lugar do mundo que tenha conexão com a internet.Uma das enormes vantagens da tecnologia é derrubar barreiras. Cada vez mais é possível reduzir ou superar problemas de forma mais prática e veloz, a qualquer hora ou lugar. Com a enorme acessibilidade da internet e o incessável avanço tecnológico, não se faz mais necessário ter toda a equipe reunida em uma estrutura física quando é possível fazer calls por webcam, trocar mensagens por apps de chat e gerenciar projetos e equipes por sistemas online. Não diferentemente, um escritório de arquitetura também pode funcionar muito bem desta maneira.Mercado atualO mercado encontra-se em pleno crescimento no país, com média de 8% ao ano, segundo dados do Anuário 2019 do CAU/BR (Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil). O Conselho estima que cerca de 12 mil arquitetos e urbanistas ingressaram no campo brasileiro em 2018, unindo-se aos quase 170 mil profissionais já existentes, um número recorde e que vem aumentando.Tudo isso dá-se ao fato do aumento no número de atividades profissionais na área, que subiu quase 6% em 2018, chegando a ultrapassar os 10% em alguns Estados, mostrando como o setor está aquecido e atrativo.Outros dados mostram que os arquitetos também estão mais evoluídos tecnologicamente e realizam quase 100% de suas atividades por softwares e ferramentas online. Esse fato propicia muito que o trabalho remoto aconteça com a mesma ou maior eficiência que de maneira presencial, independente da área de atividade do profissional.Trabalho remoto em meio à pandemiaQuem ainda não se deu conta da importância que o home office tem para o modo laboral atual com certeza pôde notá-la com a pandemia de Covid-19, doença causada pelo Coronavírus, que iniciou-se na China em dezembro de 2019 e espalhou-se rapidamente pelo mundo, forçando um distanciamento social em massa a fim de conter o avanço da doença. A pandemia obrigou empresas do mundo todo, de quase todas as áreas, a mandar seus funcionários para casa visando a saúde e segurança não só deles, mas de toda a população.Isso mostra como é fundamental estar apto a manter uma equipe preparada para trabalhar bem sob qualquer hipótese e de qualquer lugar, não somente por conta de uma situação como a que estamos passando atualmente, mas pela segurança em saber que sua empresa pode atravessar as adversidades com menos dificuldades.O grande desafio, então, é como gerenciar uma equipe remotamente com eficiência: quais tarefas delegar para cada membro, como acompanhar o trabalho e rendimento de cada integrante do time, como extrair o melhor dele e, o mais importante, como conseguir que os prazos e metas sejam cumpridos sem dificuldades por todos.O uso de metodologia ágil no gerenciamento de projetos e equipesAs metodologias ágeis trazem um conjunto de técnicas e práticas que auxiliam empresas a gerenciar projetos de uma maneira mais fluida e adaptável. No ágil, um projeto não é entregue apenas após a finalização de todas as etapas da produção, mas, sim, através de entregas intermediárias. Assim, o cliente recebe evoluções do processo periodicamente, podendo dar feedbacks e solicitar ajustes, até que receba o projeto por completo no final.Uma das mais conhecidas e utilizadas é o Scrum, um framework que sugere que os projetos sejam divididos em ciclos, e cada ciclo é chamado de sprint. Ao final de cada sprint, a meta é que a empresa tenha alguma coisa concreta para entregar ao cliente, ou seja, uma demonstração da evolução do projeto ao longo daquela etapa que acabou de ser concluída. O scrum permite que sejam obtidos resultados menores e de forma contínua ao longo do projeto – uma diferença marcante em relação às metodologias tradicionais, nas quais o cliente só tem um resultado perceptível na fase de conclusão.[elementor-template id="11003"]Essa metodologia também cabe muito bem ao modo de trabalhar de um arquiteto. Pensando que do estudo preliminar à entrega do projeto, muitas são as atividades, o scrum auxiliará a realizá-las com mais organização e agilidade, apresentando o desenvolvimento do projeto ao seu cliente durante o processo (por exemplo, o planejamento finalizado da área social da casa antes de apresentar o projeto inteiro da casa), dessa forma, seu cliente e você terão a sensação de rapidez no andamento do projeto.Leia também: Gestão de Projetos de Arquitetura: 10 dicas valiosas para o seu escritórioO Proj4meÉ visto que ainda hoje não existem soluções sob medida de gestão de projetos e equipes para a área de arquitetura, aonde os profissionais podem fazer uso sem depender do auxílio de um especialista, o que é uma barreira em meio a necessidade de agilizar ainda mais a gerência do trabalho, diferentemente da área de TI, por exemplo, que conta com inúmeros cursos para prática de gestão em seu âmbito. Bem, não tinha. O Proj4me foi idealizado e criado para ser uma ferramenta de grande auxílio na área. Por ele, um arquiteto consegue adicionar seus projetos, tendo total visibilidade e acesso ao andamento e desenvolvimento do estudo preliminar, anteprojeto e projeto executivo, consegue saber quanto tempo vai levar a realização de cada etapa, quanto está custando, qual funcionário está fazendo o quê, sendo possível também gerenciar todos os colaboradores externos (como engenheiros, eletricistas etc.) e as todas as atividades complementares que são realizadas por eles. Todas as atividades, até mesmo as reuniões de apresentação do projeto ao cliente, podem ser gerenciadas pelo sistema.Tudo de maneira visual, simplificada e completa, que agilizará a realização das tarefas, a organização dos projetos do seu escritório e aumentando a produtividade do seu time em até 30%.O Raphael Albuquerque e seu escritório são usuários do Proj4me e aqui ele apresenta um pouco de sua experiência de trabalho com a ferramenta:[video width="720" height="1280" mp4="https://proj4.me/wp-content/uploads/2020/04/1_1.mp4"][/video] Confira dicas que vão lhe auxiliar a gerenciar sua equipe remotamente com muito mais eficiência, e que você conseguirá pôr em prática facilmente implementando o Proj4me em seu escritório de arquitetura- Faça uso de um sistema de gestão responsivo e de prática utilização entre todos da sua equipe. Também é importante que ele possa ser acessado de dispositivos mobiles, como smartphones e tablets; - Uma boa logística é essencial para que o projeto se desenvolva com mais rapidez. Sua equipe trabalhará com o Scrum aplicado em uma única tela, com acesso ao painel Kanban, sprints e à área de backlog ao mesmo tempo;- Centralize e registre a comunicação da sua equipe dentro da própria tarefa que está sendo feita, assim, todos os membros e gestores têm acesso aos comentários sobre o andamento dela em um mesmo lugar;- Crie projetos, estabeleça atividades, delegue responsáveis ao passo que realiza uma reunião com sua equipe, poupando tempo e sendo objetivo a todos simultaneamente;- Ter feedbacks sobre o andamento do projeto é essencial para avaliar a opinião da sua equipe e analisar práticas que deram certo e falhas que não podem se repetir; - Reúna toda sua equipe para uma avaliação geral do trabalho pelo menos uma vez por semana. Avalie os dados completos do projeto, conferindo o que já foi concluído, o que está em andamento e gerenciando atrasos ou falhas;- É muito importante que seus clientes estejam a par do andamento do projeto, então o status report deve ser feito com frequência. É possível facilitar esse processo com um link aonde seu cliente acessa consegue acompanhar o passo a passo do projeto de qualquer lugar e em tempo real; Confira no vídeo abaixo um passo a passo super prático de como você pode usar o Proj4me para gerenciar seus projetos: